Canção do Exílio - Inês Cavalcanti


Canção do Exílio - Inês Cavalcanti
Curadoria Cesar Kiraly
Inauguração: 13 de novembro, às 18h30

Inês apresenta uma sutil versão do Brasil contemporâneo a partir do poema A Canção do Exílio, do Gonçalves Dias. Para isso ela prolifera unidades de tecido a serem associadas em alegoria ao potencial de preenchimento que a precariedade é obrigada a aprender a ter. O mesmo é feito com inúmeros saquinhos de chá secos com desenhos a nanquim. Os sentimentos são mostrados equivalentes como a Palma Mater decapitada por um sardônico raio.